B.O.D.Y.

outubro 19, 2015

B.O.D.Y., BODY (MIMORI Ao), B.O.D.Y/爱情在身边, ボディ: 15 volumes
Mangaká: MIMORI Ao
Like: ★ ★ ★ ★ ★ ★ ★ ★ (8/10)
Gênero: shoujo, romance, vida escolar, comédia, drama.
Descrição: "Ela é uma garota desastrada e boba e que acredita em tudo que vê. Ela se apaixona por um rapaz da sua sala. Ele não chama atenção de muitas pessoas e sim apenas dela. A sua calma, seu jeito, sua mochila, tudo nele atrai nossa protagonista. Mais ela descobre que aquele "eu" dele que ela gosta é apenas uma fachada. Mais fachada de quê? Leia e descubra!"

O mangá começa bem diferente dos shoujos que leio por ai. Sakura ao invés de gostar dos caras populares da escola, ela está de olho no sujeito mais esquisito de sua sala. E na cabeça dela ele é gentil  e um bom cara. Suas amigas não entendem o que ela vê nele. Isso é um pouco raro de se ver em mangá shoujo, o clichê é sempre gostar do cara mais popular da escola.

Só que Fuji Ryounosuke não é o que aparenta. Sakura começa a se aproxima dele, e fica cada vez mais apaixonada, até que ela descobre que ele é um Host! Toda a imagem bonita que Sakura construiu sobre  Fuji se desfez (ai está o perigo de sonhar acordada, vá conhecer o cara antes de ficar projetando uma imagem que você quer!). Na escola ele não quer chamar atenção e por isso ele é "esquisito", mas no seu trabalho de host ele é exatamente o cara mais popular da casa.

Ryounosuke se interessa por Sakura e começa a jogar com ela. É fácil de engana-la e ele faz isso muitas vezes até que os dois percebem que estão apaixonados.
Eu gostei da história achei bem original, o começo é uma carga muito boa de surpresa sobre a vida de Ryounosuke. Depois a história meio que entra no modo shoujo de ser e apresenta seus clichês de relacionamento. Mesmo assim acredito que só o começo já vale boas risadas. Recomendo a leitura.


Leia mais sobre esse mangá nos links dos comentários.

B.O.D.Y. mangá em português:Manga Space ou online
B.O.D.Y. mangá em espanhol:GO-K ou online
B.O.D.Y. mangá em inglês:Jae Scans
B.O.D.Y. raw:Dm5

Você pode gostar também

0 comentários