Por que os fansubs brasileiros são tão lentos?

janeiro 23, 2015


Quem lê mangá sabe como é uma tortura esperar por um capítulo.
Fansub de mangás, para quem não sabe, são aqueles grupos de fãs que traduzem, editam e publicam mangá, normalmente sem ganhar nada por isso. Eu disse normalmente... Mas a maioria não ganha nada.
E como é o trabalho do fansub? Vou resumir em: tradução, edição e publicação na internet. Óbvio que não é tão fácil assim.
Como funciona um fansub:
A tradução pode levar um dia ou uma semana, depende do tradutor e normalmente depois da tradução tem alguém para fazer a revisão do português que pode levar o mesmo tempo que a tradução. Já a edição é a parte mais escumungada. Posso falar isso porque já trabalhei em um fansub com edição. O tempo que leva para editar é de 3 horas se você for muito experiente, uma semana se você for inexperiente mas tiver boa vontade e tempo, e um mês se você não tiver tempo ou se você simplesmente estiver com preguiça. Lembrando que o trabalho não é remunerado e é feito nas horas vagas, o que deixa tudo mais lento. Tem uma época do ano que os editores somem da face da terra. E tem alguns que desaparecem para sempre. Perceba que normalmente os fansubs precisam muito mais de editores do que tradutores ou revisores.Mas isso ocorre em todos os fansubs pelo mundo a fora.

 Mas por que caralhos demora tanto?


O primeiro motivo: é a falta de mão de obra. Por exemplo, o fansub X tem uma equipe: um tradutor, um revisor e um editor e eles têm 3 projetos ativos (Aoharuride, Naruto e Hatsu Haru). A média de lançamento de um capítulo é de 15 dias. Ou seja a cada 15 dias eles conseguem lançar um capítulo novo. O leitor tem que esperar mais de um mês para ler o capítulo novo do Aoharuride. Se houvesse um tradutor e editor para cada projeto a cada 15 dia haveria capítulo de Aoharuride. Mas a realidade é que existe pouca gente disposta a fazer esse trabalho (muito melhor sair com os amigos, jogar videogame, viajar, e blá blá blá). E os poucos que se dispõe a fazer não duram nem um ano na casa, muita gente abandona ou some sem deixar rastros.
Segundo motivo: o ego. O pagamento do fansub que trabalha de graça é o comentário do leitor, isso alimenta sua vontade de trabalhar. E é aí que mora a merda. As pessoas que trabalham nos fansubs ficam tristes, irritadas e desmotivadas, quando elas têm acesso ao número de pessoas que visitam o site, versos as pessoas que comentam. Normalmente em todo site e blog, seja lá do que for, o número de visitas é muito maior do que o de comentários. E os fansubs não querem saber eles querem comentários. Ficam cobrando comentários: “eu sei que tem muita gente que visita, baixa nossos projetos e não comentam nada". “Daí nascem aquelas regras doidas: leia o post e comente para ler tal capítulo, você precisa se cadastrar no fórum e fazer 30 comentários para ler os projetos, você precisa dar 3 voltinhas, latir e doar dinheiro para ler o capítulo”. Mas que inferno! Como eu odeio isso! Se o cara não quer comentar, não é forçando ele a comentar que a coisa vai melhorar. Qual o sentido em um comentário forçado???


Quando eu não trabalhava e estudava eu fazia essas coisas, deixava os 30 comentários e fazia tudo o que os fansubs pediam. Para ver se isso estimulava eles a continuarem os projetos, porque muitos fansubs acabam e adeus projetos.
Conflitos (tetras):
Alguns anos se passaram e depois de 8 horas de trabalho mais estudar a noite eu só queria chegar em casa e ler o capítulo do meu mangá favorito. Sem ter que ler um post enorme (tipo esse) sobre a vida/ego de uma pessoa com quem eu não me importo para só no fim do post descobrir que o capítulo novo do mangá está na porra de um ponto final no meio do texto.
Para todas essas pessoas e fansubs que tem atitudes semelhantes eu vou dizer: você é um idiota e está dando um tiro no próprio pé! Isso só cria uma barreira para o leitor que vai embora, senão na hora, um tempo depois.
Uma parte dessas pessoas vai aprender a ler em outras línguas e adeus fansubs brazucas cheios de mimimi. (Não tem fansub gringo cheio de mimimi? Tem sim, mas são poucos, justamente o contrário aqui no Brasil). Foi isso o que eu fiz.
A outra parcela que não quer aprender outras línguas ou tem dificuldade de aprende outras línguas, vai resolver esperar para não ter que lidar com os comentários obrigatórios ou com pontos no meio do você sabe o quê. "Vou ler esse mangá só quando eles terminaram o primeiro volume ou colocarem para a leitura online". Na verdade o leitor só está se afastando. Depois de esperar 3 meses, ou menos, ele vai esquecer que tinha esse mangá para ler.
E a parte restante (do qual já fiz parte) vai aceitar e ter paciência com as exigências dos fansubs. Mas todos vão sair decepcionados. Porque muitos fansubs acabam na fase da vida em que as pessoas passam no vestibular e ai aquele mangá que você tanto ama não vai chegar ao final.
Argumentos dos Fansubs:
“Mas eu tive todo o trabalho. Eu tenho o direito de distribuir do jeito que eu quiser!”
Sim isso é verdade, porém isso vai te custar caro. Quando você facilita a leitura para todos, isso chama mais gente, que fica contente com o seu trabalho e lê cada vez mais projetos. Os amigos vão indicar uns para os outros e algumas dessas pessoas vão curtir tanto que além de deixar comentários vão querer participar trabalhando. Quando o fansub dificulta a leitura, muita gente bate nesse dificuldade e volta, não cria vínculo com o fansub e vai embora. Lembre-se de que no Brasil a leitura não é algo popular.
“Esse projeto é meu! Eu comecei a traduzir muito antes de vocês.”


Os fansubs tem um código de não traduzir conteúdo que outro fansub já está traduzindo. Mas nem todo mundo respeita isso. Tem pessoas que querem o tal projeto e mesmo o outro fansub traduzindo e publicando com frequência eles vão lá pegar o projeto. Para que isso??? Não sei. Mas quando um fansub que está traduzindo e esquece do projeto e outro fansub vem traduzir eu já não acho que seja falta de respeito. Na verdade eu adoro quando isso acontece, porque os fansubs vão brigar entre si e o resultado é capítulo lançado na velocidade da luz desse mangá. Os fansubs tem o costume de ir pegando um monte de projeto sem ter equipe para isso. O que acarreta muito trabalho, desistências e sumiços da parte da equipe além da lentidão nos lançamentos dos capítulos.
Outra coisa, se você não pagou direito autoral sobre a obra você não é dono dela. Chega desse mimimi. Pegue poucos e bons mangás os traduza e à medida que concluir e/ou a equipe crescer pegue outros projetos. Mas que fique bem claro, fansub nenhum é dono de mangá, a não ser que você seja o autor, ou tenha pago por isso.
Uma solução muito mais amigável para esse problema seria fazer o projeto junto. Sem essa do projeto ser meu ou seu e sim nosso. Todos sairiam ganhando.
Terceiro motivo: o português. Quantos países por ai falam português? É uma quantidade maior de gente que fala inglês e espanhol? Não. Por isso a quantidade de fansubs em inglês e espanhol é muito maior. Existem mais equipes, mais fansubs e por consequência mais capítulos de mangá para se ler!
Resultado:O resultado é o que temos hoje: poucos fansubs que não conseguem gerar interesse nos leitores, leitores que perdem o interesse pelo número de dificuldades para se ler um mangá, que acaba matando os fansubs por falta de leitores/fãs para ler, ajudar e comentar. Parabéns! Quem vai querer ajudar um fansub chato com seu trabalho chato???


Respondendo aos comentários do blog acabei tendo a ideia de fazer esse post (obrigada Liamara). E me desculpem por escrever de mais.

Você pode gostar também

0 comentários